Monitoramento de uma população de araras-azuis no Mato Grosso

MONITORAMENTO DE UMA POPULAÇÃO DE ARARA-AZUL-GRANDE Anodorhynchus hyacinthinus NO PANTANAL DE MATO GROSSO

Coordenação: Pedro Scherer Neto
Setor de Ornitologia do Museu de História Natural "Capão da Imbuia"


Este trabalho tem como objetivo principal monitorar uma população desta arara que se concentra diariamente para o repouso noturno em palmeiras-bocaiúvas situado na Fazenda São Francisco do Perigara, município de Barão de Melgaço no Pantanal de Mato Grosso. Essa concentração, considerada a maior concentração de arara azul conhecida em vida livre, vem sendo mantida a mais de 40 anos por iniciativa do proprietários que cercaram uma pequena área de bocaiúvas para utilização exclusiva das araras azuis que não são perturbadas na região.

Censos foram conduzidos desde 2000 até 2006, inicialmente com o apoio do WWF Brasil e revelaram o encontro de dezenas de araras azuis nesta fazenda e suas imediações. Em 2005, a equipe do projeto Arara Azul iniciou o cadastramento e mapeamento de ninhos ativos para avaliar o sucesso da reprodução nesta população.

Esta pesquisa conta com o apoio: Fazenda São Francisco do Perigara; Instituto Arara Azul; Parque das Aves Foz Tropicana; Museu de História Natural Capão da Imbuia.

Para mais informações, entre em contato pelo e-mail pedroschererneto@yahoo.com.br